CENTRO CULTURAL DONA NÊGA LANÇA DOCUMENTÁRIO “ZÉ E O BOI” FINANCIADO PELA LEI ALDIR BLANC

Numa parceria com a Prefeitura Municipal de São Domingos, através da Secretaria Especial da Cultura, Ministério do Turismo e por meio da Lei Aldir Blanc, o Centro Cultural Dona Nêga, localizado no Distrito de Santo Antônio, lança nesta quarta-feira, 07, o Documentário “Zé e  o Boi”.
Como forma de ajudar o setor cultural, visto que, muitas instituições e artistas tiveram suas atividades interrompidas em razão das medidas de isolamento social causadas pela Covid-19, o Governo Federal criou a Lei n° 14.017, de 29 de junho de 2020. A Lei Aldir Blanc, destinou subsídio mensal para atender o setor cultural durante a crise causada pela pandemia. Os recursos que foram disponibilizados por meio de Edital de chamada pública, puderam ser utilizados para patrocinar grupos e espaços, coletivos culturais e artísticos.
O Espaço Cultural Dona Nêga, que foi um dos beneficiados pelo auxílio, produziu como proposta de atividade cultural o Documentário “Zé e o Boi”, um curta dirigido pelo documentarista Leo Veneza, que conta a história de Zé Miolo e do grupo do bumba meu boi do Distrito de Santo Antônio.
Liderado pelo mestre do saber, Zé Miolo, o bumba meu boi é uma manifestação cultural que segue as ruas com seu vaqueiro, as caretas assustam e divertem o público presente. É uma história viva da cultura popular brasileira que também está presente no nosso município há décadas.
O bumba meu boi ou boi-bumbá é uma festa do folclore popular brasileiro com personagens humanos e animais fantásticos que gira em torno de uma lenda sobre a morte e ressurreição de um boi. É um dos traços culturais marcantes na cultura brasileira, principalmente na região Nordeste.
A artista plástica, Leide Fausta, confeccionou caretas especialmente para o projeto. O músico, Rodrigo Rodriguez, compôs uma música em homenagem à manifestação cultural e a Zé Miolo.
“A produção do vídeo documentário, além de ser um instrumento de mobilização social, possibilitou o registro dessa importante manifestação cultural que é cultivada por gerações na região”, diz Paulo Freitas, produtor e diretor do Centro Cultural Dona Nêga.
O documentário será lançado no hoje,07 de abril de 2021, às 20h, na plataforma digital do Centro Cultural www.ccdonanega.com.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Skip to content